Por que não queimaram?: Três são detidos e retroescavadeira é apreendida após flagrante de desmatamento de Mata Atlântica no Rio de Janeiro

Retirada de vegetação nativa e fogo na região de Mata Atlântica foram constatados por agentes da Unidade de Policiamento Ambiental (Upam) na terça-feira (17). Maquinário apreendido não foi queimado como o Ibama faz na Amazônia. Por que?

Três homens de 24, 27 e 40 anos foram detidos na tarde desta terça-feira (17) e uma retroescavadeira apreendida após um flagrante de desmatamento em Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio.

Durante a operação, três foram detidos e uma retroescavadeira apreendida pelos policiais (Foto: UPAM | Divulgação)
Segundo os policiais da Unidade de Policiamento Ambiental (Upam), a ação ocorreu no bairro Conquista, em uma área de 30 mil metros quadrados, que fica na zona de amortecimento - a um raio de 10 km do Parque Estadual dos Três Picos.


De acordo com a Upam, houve supressão da vegetação nativa do local e os suspeitos também colocaram fogo na região de Mata Atlântica para fazer a limpeza do terreno.
Os policiais disseram que os homens pretendiam fazer uma lavoura na área desmatada.

Veja também: Fogo contra fogo: Entenda porque os carros do Ibama foram queimados no Pará

“Informação publicada é informação pública. Porém, alguém trabalhou e se esforçou para que essa informação chegasse até você. Seja ético. Copiou? Informe e dê link para a fonte.”

Comentários

"Por que não queimaram?"
kkkkkkk, quem tem, tem medo!