Cai a produção brasileira de arroz

Arroz de várzea no Rio Grande do Sul: De acordo com os ecotalibãs da Marina Silva isso é um crime ambiental.
A safra brasileira de arroz 11/12 registrou oficialmente um decréscimo de 14% em área e 15% em produção, informou a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), em seu relatório mensal de safra divulgado em setembro.

Conforme a estatal, o recuo na produção resultou da queda significativa de áreas em relação à safra passada, verificada praticamente em todos os estados do país. Ao todo, foram colhidas 11,6 milhões de toneladas, resultado 15% inferior frente ao verificado em 2010/11, quando somou 13,6 milhões de toneladas.

De acordo com a Conab, o resultado não foi pior porque a produtividade tem se mantido estável, em especial na região Sul, onde se concentram 51% da área cultivada e contribui com 77,4% da produção nacional de arroz. A região Sul se destacou na redução de área cultivada com 122,6 mil hectares a menos nesta safra1, sendo que o estado do Rio Grande do Sul, que possui 43,4% de toda a área cultivada no Brasil, contribui com 66,7% da produção, experimentou uma queda de 11,4% na área e a redução de 13,1% na produção.

As demais regiões, que também tiveram reduções expressivas de área, completam os 270,6 mil hectares restantes, dos 393,2 mil hectares que não foram cultivados nesta safra. Embora essa área represente 68,8% da redução total de área, a redução de produção por conta disso foi de apenas 13,0% devido à produtividade média ser menor ou em torno de 28,7% do volume obtido por hectare na região Sul.

Arroz de várzea na China: Não existe Marina Silva, em ecotalibãs por lá.

Comentários

jerson disse…
vai cair mais, e de outros produtos agrícolas também, os preços estão subindo e sera fator para da inflação. só o governo não vê isto. o desestimulo da politica agrícola e as incertezas de um código florestal esdruxulo que empurra para o meio rural o que querem os pseudoambientalistas.
emanuel disse…
> Chegara o dia, pela fome, que os agricultores serão OBRIGADOS a tirar mato para plantar comida!
e1000 disse…
Quero mais e' que o Brasil volte a ser importador de alimentos ,e que o valor dos graos e da arroba dispare no mercado internacional.. Vamos trabalhar menos e ganhar mais.. Que se danem os idiotas que apóiam essa PresidAnta e seus ecocanalhas ....
Eita !Calma!!Pessoal...
E o jeito vamos acabar todos vegetarianos!!!!
o preço dos alimentos estão cada vez mais em alta e a produção menor,fazer o que sem terra,não há como plantar neh....
e o salário oh0000......