Saiba quem votou contra a aprovação do Código Florestal

Caros, vejam a lista dos deputados que votaram contra o Código Florestal:

Amapá
Professora Marcivania - PT
Sebastião Bala Rocha - PDT estava em obstrução

Pará
Arnaldo Jordy - PPS
Cláudio Puty - PT



Amazônas
Francisco Praciano - PT

Rondônia
Lindomar Garçon - PV
Padre Ton - PT

Acre
Sibá Machado - PT

Maranhão
Domingos Dutra - PT
Sarneyzinho - PV

Ceará
Artur Bruno - PT
Eudes Xavier - PT

Piauí
Jesus Rodrigues - PT
Nazareno Fonteles - PT

Rio Grande do Norte Fátima Bezerra - PT
Paulo Wagner - PV

Pernambuco
Fernando Ferro - PT
João Paulo Lima - PT
Paulo Rubem Santiago - PDT

Segipe
Márcio Macêdo - PT
Rogério Carvalho - PT

Bahia
Amauri Teixeira - PT
Luiz Alberto - PT
Valmir Assunção - PT
Waldenor Pereira - PT

Minas Gerais
Antônio Roberto - PV
Fábio Ramalho - PV
Leonardo Monteiro - PT
Padre João - PT
Rodrigo de Castro - PSDB se absteve de votar

Espírito Santo
Audifax - PSB

Rio de Janeiro
Alessandro Molon - PT
Alfredo Sirkis - PV
Brizola Neto - PDT
Chico Alencar - PSOL
Chico D`Angelo - PT
Deley - PSC
Dr. Aluizio - PV
Dr. Paulo César - PR
Glauber Braga - PSB
Liliam Sá - PR
Miro Teixeira - PDT

São Paulo
Guilherme Mussi - PV
Ivan Valente - PSOL
Janete Rocha Pietá - PT
Jilmar Tatto - PT
Luiza Erundina - PSB
Newton Lima - PT
Ricardo Izar - PV
Ricardo Tripoli - PSDB
Roberto de Lucena - PV
Roberto Freire - PPS
Roberto Santiago - PV

Distrito Federal
Erika Kokay - PT
Reguffe - PDT
Marina Santanna - PT

Mato Grosso do Sul
Antônio Carlos Biffi - PT

Paraná
Dr. Rosinha - PT
Rosane Ferreira - PV

Santa Catarina
Pedro Uczai - PT
Fernando Marroni - PT
Henrique Fontana - PT
Marcon - PT
Paulo Pimenta - PT
Vieira da Cunha - PDT

Cllique aqui e vá direto na Fonte da informação

Comentários

Gael disse…
Parabéns aos deputados que votaram contra o novo código florestal
Gael disse…
Parabéns aos deputados que votaram contra o novo código florestal
Mary_D disse…
Parabéns aos deputados que possuem o conhecimento do que seria melhor á população brasileira.
O meu desgosto como cidadã goiana é saber que não houve nenhum representante de meu estado contra esta barbaridade!!
Ciro Siqueira disse…
Por que será, Mary_D? Você já se fez essa pergunta?

Os deputados de seu estado são eleitos para representar o seu estado, não vc.
Luiz Henrique disse…
Gael e Mary, é melhor escutar asneira que ser surdo, ou como neste caso, é melhor ler asneiras do que ser analfabeto.
Ciro Siqueira disse…
Tem certeza? Daqui de onde olho a impressão é outra.
Ciro Siqueira disse…
Tem certeza? Daqui de onde olho a impressão é outra.
Luiz Prado disse…
BOA LISTA A SER REPASSADA ÀS COOPERATIVAS DE PRODUTORES RURAIS PARA QUE SEJA DIVULGADA ENTRE SEUS ASSOCIADOS PARA QUE NUNCA MAIS HAJA RISCO DE QUE UM DELES RECEBA UM VOTO FORA DAS CIDADES IMENSAMENTE POLUÍDAS E POLUIDORAS ONDE ELES TËM A SUA BASE ELEITORAL.
Dani disse…
Parabéns aos deputados Reguffe e Erika Kokay...! Orgulho de Brasília na Câmara Federal!
Dimas Del Conte disse…
E então Mary D, será que vc é unica inteligente e os outros são todos burros. Eitaaaaaaaaaaaa
Dimas Del Conte disse…
Gael, vi seu perfil e tá tudo explicado.Por que vc nÃO PASSA UM ANO NUM PEQUENO SÍTIO FAMILIAR, trabalhando e se alimentando, sem comp, telefone e às x sem energia elétrica, com uma CG ou fuska sem codumento e sem pneu, áh e muitas x sem gasolina. Depois vc filosofa de barriga vazia e me diz.Certo?
bru disse…
A preservação de qualquer tipo de direito não depende, apenas e tão somente, do que dispõe a lei. Muito mais importante do que uma legislação rígida é a higidez, a honestidade e a eficiência daqueles que se põe ao seu cumprimento.
Além disso, ao contrário do que a mídia vem alertando, o Novo Código não abre margens maiores ao desmatamento do que o anterior permitia, e se alguma anistia foi concedida a supostos violadores, esta se deu em pleno governo Lula, sob a regência do Ministro Minc.
Ainda, se compararmos o texto legal recentemente aprovado pela Câmara com aquele que está para ser revogado, concluiremos que as mudanças são poucas, e que muitas destas poderiam ser extraídas da própria análise sistemática do enunciado prescritivo em voga.
Em suma síntese, a mídia propala opiniões equivocadas, que não advém do necessário cotejo entre o texto vigente e aquele que está para ser aprovado, mas entre a lei e o que se vê de fato.
Palavras não movem moinhos, ainda que estas provenham de nosso Congresso Nacional.
Mas os jornalistas, que não são especialistas em direito, meio ambiente, agricultura, ou especialidades correlatas, continuam a emitir seus pareceres, persistem no sensacionalismo, fazendo ressoar o comum e trivial...por isso, não à toa o Supremo Tribunal Federal decidiu que o exercício da profissão de jornalista não depende da graduação em jornalismo!
Layla disse…
meu deus gente, ninguem liga pro meio ambiente graças a esse codigo a natureza de nosso país ainda esta viva, e no art. 1 - II-"...preservar os recursos hídricos, a paisagem, a estabilidade geológica, a biodiversidade, o fluxo gênico de fauna e flora, proteger o solo e assegurar o bem-estar das populações humanas." então, eles fizeram esse codigo tanto pra ajudar a natureza como a gente, sera q as pessoas contra esse codigo sabem q estão pondo em risco a saúde do planeta? que ja esta quase morto...