Aldo Rebelo dobrou o governo

Informações de Brasília dão conta de que Aldo Rebelo dobrou o Governo. Dilma aceitou manter a isenção de reserva legal para propriedades de até quatro módulos rurais. O Executivo aceitou ainda estabelecer exceções para a obrigatoriedade de os produtores rurais recomporem as chamadas Áreas de Proteção Pemanente (APPs). O parlamentar disse que as exceções seriam definidas por meio de decreto.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/pais/mat/2011/05/10/ruralista-anuncia-acordo-sobre-codigo-florestal-com-governo-924423833.asp#ixzz1LyxZ9rov © 1996 - 2011. Todos os direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A.

Comentários

osenhordashostes disse…
GLÓRIA A DEUS!

ALELUIA!
A exigência de preservação de 80% no norte do pai's
nas propriedades rurais eqüivale DESAPROPRIACAO
Do patrimônio. Infelizmente o citadino nao tem a
Dimensão da catástrofe, imposta a uma classe tão
Perseguida e condenando a ilegalidade.
Nao e' justo que o Sul, Sudeste e Centro-oeste ricos
Sejam exigido preservar 20% a lei devera ser igual
para todos conforme a constituição. Nao nos condene
a atraso Maior do que já vivemos, sujeita-nos a pecha
Infamante de Criminoso Ambiental
Braso disse…
Antonio, concordo com seu comentário, somos uma nação com direitos iguais, vamos esperar o resultado, mas acredito que os políticos dai da região estão atentos e não vão deixa-los de fora.
emanuel disse…
> Antonio Herminio é extamente isso que esta acontecendo. Seremos exterminados, confiscados em 80% de nosso patrimonio...quem foi mais ligeiro, escapou e quem não desmatou se ferrou. Esse é o Brasil, um pais que não respeita seu produtor de alimentos. O Sul maravilha ficou legal, apenas 20%! Legal!