Escondendo a mão amarela

Durante café da manhã promovido pela Frente Parlamentar Ambientalista ontem (30) no Congresso Nacional a Ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, repetiu várias vezes que a discussão do Código Florestal merece um debate técnico aprofundado e livre das polarizações ideológicas.

Mario Mantovani e Pequeno Sarney, que estavam presentes no momento e escutaram a ministra, fingiram que não tinham nada a ver com isso. Seguiram a filosofia do grande roqueiro e filósofo Lobão.

Comentários

Luiz Prado disse…
E o que é que o Mário Mantovani estava fazendo num café de congressistas com a ministra? Ele está lotado em algum gabinete para receber um jabá extra?
O escritório dele é no Congresso, Luiz. Ele vive por lá, lépido e lampeiro, soprando coisas legais nos ouvidos de alguns deputados.
Sem nunca ter sido eleito legisla através das mãos e bocas dos outros.
gafasnet disse…
Ciro, duro é ver o Sarneyzim dando uma de ambientalista. Você já leu o livro Honoráveis Bandidos? O currículo desse filhote do Sarney está todo aberto nessa obra, inclusive do resto da quadrilha, que não é pequena!