sábado, 6 de fevereiro de 2016

Empresa japonesa abrirá fazenda operada por robôs

Uma empresa japonesa abrirá a primeira fazenda do mundo operada por robôs industriais, na qual a tecnologia é a responsável pela realização do processo de produção desde o cultivo até a coleta das hortaliças.

Senado discutirá prioridades do governo para o setor rural

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, e o ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, serão convidados a apresentar aos senadores da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) as diretrizes e os programas prioritários de suas pastas para este ano.

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Deputado quer CPI para investigar JBS por monopsônio na cadeia da pecuária

O deputado Ondanir Bortolini (PR), proporá a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Assembleia Legislativa de Mato Grosso para investigar o Grupo JBS. O parlamentar afirma que o Legislativo precisa investigar o controle excessivo da empresa sobre a cadeia produtiva da pecuária em Mato Grosso.

Senadores querem ouvir o Governo sobre adesão ao CAR



Por sugestão de Acir Gurgacz (PDT-RO), a Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) promoverá no próximo dia 18, logo após a semana do Carnaval, uma audiência pública para avaliar a adesão dos produtores rurais ao Cadastro Ambiental Rural (CAR). Foram convidados representantes dos Ministérios do Meio Ambiente e da Agricultura; da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB).

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Patinando morro acima: Safra 2015/2016 crescerá 2 milhões de toneladas - 0,6% em relação a 2014/2015

A safra brasileira de grãos deve crescer 0,6% este ano em relação ao ciclo 2014/2015, para 210,7 milhões de toneladas, estimou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira (4). O crescimento é 13 vezes menor do que o observado na safra passada, que foi de 7,9%, quando o Brasil colheu 208,8 milhões de toneladas.

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Quem tem medo da carne de proveta?

O primeiro telefone celular vendido comercialmente entrou no mercado americano em 1983, há 33 anos. Era o Motorola Dynatec 8000x. Custava US$ 3.995, que equivalem hoje US$ 9.681,53, ou R$ 38.641,89 e só fazia ligações. No Brasil, o primeiro telefone móvel comercializado oficialmente foi o Motorola PT-550, já na década de 90. Tinha uma bateria que durava duas horas de ligação, pesava 348 gramas e tinha cerca de 23 centímetros de altura. Custava US$ 3.495, cerca de US$ 6.536,79, ou R$ 26.090,29, em valores atuais. Hoje qualquer um consegue comprar um smartphone por R$ 900,00, cerca de US$ 225,46. Exstem várias marcas e inúmeros modelos no mercado.